São Paulo – A PALAVRA NO AGORA

Ferramentas para ritualizar, expressar e comunicar a dor para o alento

Exibindo: 1 - 10 de 75 RESULTADOS
Escritos do público

Marisa de Jesus

ANOS A FIO Estou há meses noiteMeus esqueletos estão no armárioSegredosMeus porões estão inundadosLágrimasSoa o relógio inútilHoje tirei o dia para a faxinaArrumei a gaveta de máscarasTenho 365Uma para cada diaDepois arrumei o álbum de fotografiasFoi bom rever todosEncontrei uma foto lindaEu abraçada à famíliaQuanto tempo não abraçoA tarde foi mais divertidaFiz uma moldura de …

Escritos do público

Eclarice

Pandemia: era uma vez uma noite Sou fã e assídua assistente das lives de um Museu. Em junho assisti uma live sobre o Barroco que me deixou muito interessada em aprender mais sobre o assunto e, como no final o professor comentou sobre um curso que seria anunciado nos próximos dias, aguardei ansiosamente. Um certo …

Escritos do público

Marisa de Jesus

FLORES Eu tinha uma flor dentro de mimUma única florEu a ouvia falando de amorE declamando poesias tambémA flor chamava o vento e a chuva para cantarO meu mundo era mais profundoPorque eu tinha uma flor dentro de mimReguei-a por dias e mesesDepois de um tempoVi um campo floridoVi o sol brilhandoE a chuva fininha …

Escritos do público

Marisa de Jesus

BORBOLETA AZUL Hoje apareceu uma borboleta azul em minha casa.Ela entrou pela janela e rodopiou ao meu redor.Meus olhos ficaram vagando seus movimentos.Lá fora caia uma chuva fininha de primavera.Pensei, acho que ela entrou para fugir da chuva.Rodopiou também num abajur de vidro colorido.E pousou numa flor de plástico que tenho na mesinha da sala.Ela …

Escritos do público

Marisa de Jesus

O BICHINHO FEIO Era uma vez um bichinho feio que insistia em aterrorizar as crianças.Ele deixava as pessoas muito doentes e, às vezes, até matava.Estávamos isolados em casa. Eu, papai, mamãe e minhas bonecas.Não podíamos visitar os parentes e amigos.A minha saudade tinha nome, cheiro e forma.Ficava pensando quando eu poderia amassar as pessoas de …

Escritos do público

Marisa de Jesus

A VARANDA Estou em minha varanda há dias.Minto.Há meses.Por quê?Desculpe, não quero falar neste assunto.O que eu faço na varanda?Observo.Sim.Eu observo todos em suas varandas.A maioria trabalha, outros se exercitam, leem, cantam, meditam…Pareço triste?Não.É que estou sem maquiagem e meu cabelo esbranquiçou.Mas, me arrumar para quê?Ninguém me nota na minha varanda.Se estou chorando?Não.É apenas um …

Escritos do público

Marisa de Jesus

O VÍRUS O Leão da montanha apresentou o 1º Congresso Internacional dos animais.Agradecendo a presença e contando com a colaboração de todos passou a palavra para o professor Pardal.O Professor Pardal falou de um vírus mortal que está atacando os seres humanos há meses.E informou que a única maneira do homem não ser contaminado era …

Escritos do público

Marisa de Jesus

IMAGINAÇÃO Era uma vez uma menina que caminhava na praia todos os dias.Ela seguia uma trilha de terra vermelha cercada de amoreiras até à areia.As amoreiras amorosas proporcionavam uma sombra bem agradável.A menina contemplava as folhas verdinhas, o aroma suave e o azul intenso dos frutos.Naquele dia, ela viu um pavão com sua plumagem exuberante …

Escritos do público

Marisa de Jesus

O INVEJOSO Era uma vez um bichinho vilão que estava decidido a atrapalhar as pessoas.Tudo começou na China.Depois, com uma velocidade incrível, percorreu países e continentes com seu vírus mortal.Em pouco tempo, todo o planeta estava infectado.Questionado por outros bichinhos do bem, ele disse que tinha inveja dos humanos.Que não tinha boca para beijar e …